segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Guria ♥



Coitado desse Pierrot
ainda se acaba um dia.
Está caindo de amores, tadinho
lembrando de sua Guria.

Pequena de olhos verdes
não passa de uma boboca.
Pequena de olhos verdes,
me deves uma beijoca!

Que maldade tu me fizeste
porque nasceste tão longe?
Corres de mim amor,
só não pense que de mim se esconde!

Guria, pega meu amor
Mas pega ele e usa!

Enquanto isso:
pego sua imagem,
poetiso uma paisagem
parece até miragem!

Guria dos olhos grandes
em todos meus planos
é seu sorriso que vejo.

Guria do sorriso bonito
adormecer ao seu lado ainda é
e sempre será
meu maior desejo.

Brain Damage.


Era só uma brincadeira;
Alguns goles;
uma picada na veia;
1/4 debaixo da língua.

"The lunatic is on the grass,
the lunatic is on the grass.
Remembering games and daisy chains and laughs.
Got to keep the loonies on the path."

É Dionísio mamãe?
Ele é lindo!

Poeta rockstar.


Não quero voltar aqui.
jamais...
"é só um canto imundo Rhafael!"

Ah, esse amor grunge.
Me mata?
Me mata!
Me mata.
Me mata...
É sério!
Me mata, por favor!

Dane-se!

Vai tomar essa garrafa ai?
Passa ela para cá
e vê se me deixa com as minhas vozes!

Acho que sou um péssimo suicida,
não quero findar minha vida,
só queria findar essas dores todas...

Um poeta rockstar,
triste demais para um romance,
sóbrio demais para o bom e velho rock and roll.