sábado, 7 de setembro de 2013

Vocês insetos se merecem!


A moça é uma covarde
usa do "amor" para explicar seu olho roxo.
O moço passa exageradamente do limite do patético
usa do "amor" para explicar o que na minha terra leva o nome de estupro.

São ambos tão medrosos,
que vocês insetos se merecem!

E essa cena se repete,
repete
e repete!

Teus gritos de socorro
ficam abafados por mãos cruéis e incapazes,
por um medo implantado no fundo do útero
e pela violência covarde cuspida pelo pênis agressor.

Um padre idiota deu a benção "sagrada"
duas famílias deram seu aval.
A aliança é o sim do estuprador
e lágrima eterna da vítima.

E essa é a forma mais baixa de conformismo
disfarçado de amor.

Limpem essas bocas
com seu próprio sangue
antes de falar sobre o amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário